sexta-feira, 20 de abril de 2018

Dinâmica da família é tema de curso de extensão

Dinâmica da família é tema de curso de extensão

A família, que vem passando por tantas transformações ao longo dos tempos, será tema de novos estudos em Petrópolis (RJ). Com o título “Compreendendo a dinâmica da família”, o curso de extensão tem o objetivo de auxiliar na compreensão do atual sistema familiar e acontecerá em maio, na Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase).
“Se as pessoas, de maneira geral, tiverem a oportunidade de compreender os mecanismos e as interações da família, terão mais chances de proporcionar, de maneira segura, a construção de vínculos minimamente estáveis, garantindo um desenvolvimento lúcido e saudável a seus membros”, afirma a psicóloga Glória Maria Dias Mosquéra, coordenadora do curso de extensão da FMP/Fase.
Voltado para estudantes e profissionais das áreas de saúde, educação ou jurídica, que trabalham ou pretendem atuar diretamente com o universo familiar de seus clientes, o curso vai abranger os seguintes tópicos: “A construção social da família e as novas organizações familiares”; “O ciclo vital da família”; “A noção de microrrede de pertinência”; “O genograma”; e “A visão sistêmica da família”.

Com carga horária de 20 horas e emissão de certificado, as aulas serão realizadas nos dias 7, 14, 21 e 28 de maio e 4 de junho, das 17h às 21h. As inscrições, que devem ser realizadas até o dia 3 de maio, e outras informações estão disponíveis no site www.fmpfase.edu.br.

Leia Mais ►

quinta-feira, 12 de abril de 2018

Psicanalista do Instituto de Psicossomática de Paris vem ao Rio para falar sobre os enigmas da dor

Psicanalista do Instituto de Psicossomática de Paris vem ao Rio para falar sobre os enigmas da dor
A Sociedade Brasileira de Psicanálise do Rio de Janeiro (SBPRJ) recebe a psicanalista Marilia Aisenstein nos dias 24 e 25. Ela é membro de duas importantes sociedades de psicanálise europeias, a de Paris e a de Atenas – sua cidade de origem –, integra o Instituto de Psicossomática de Paris (IPSO), o qual já presidiu, e é autora de capítulos e livros sobre psicossomática e sobre hipocondria, além de mais 100 artigos em revistas internacionais.

No dia 24, às 20h45, a presidente da SBPRJ, Wania Cidade, e a diretora do Conselho Científico, Ana Sabrosa, fazem a abertura do encontro com Marilia Aisenstein, que na sequencia discute casos clínicos apresentados pelas psicanalistas da SBPRJ Margaret Binder e Sônia Bromberger, que integram o Instituto de Psicossomática-RIO, com coordenação de Viviane Frankenthal, vice-presidente da SBPRJ.

No dia 25, às 21h, Marília faz conferência com o tema 'O enigma da dor', com tradução consecutiva do psicanalista Admar Horn, membro do Instituto de Psicossomática de Paris e coordenador do Instituto de Psicossomática-RIO (IPSO-Rio) e debates coordenados pela psicanalista Angela Moura.

Marilia é membro do Conselho Editorial da "Revista Francesa de Psicanálise", co-fundadora e editora da "Revista Francesa de Psicossomática. Em 1992, ela recebeu o prêmio Maurice Bouvet, concedido ao melhor trabalho de psicanálise publicado na Revista Francesa de Psicanálise.

A psicanalista Margaret Binder, que concluiu sua formação e recentemente foi admitida como membro titular do Instituto de Psicossomática de Paris, explica que estamos vivendo num mundo de excessos, de muita pressa, estresse absoluto, onde o pensamento e a palavra acabam ficando em segundo plano, muitas vezes sendo substituídos por “uma fala com o corpo”, e a discussão sobre a dor e a psicossomática é muito pertinente.

“Nos nossos consultórios raramente chegam pacientes que não tragam também questões orgânicas, sintomas físicos além das queixas emocionais. E a dor é um dos sintomas mais frequentes.  Muitas vezes a dor física está contando a história de uma dor psíquica que até então não pode ser sentida, pensada e elaborada. Além disso, a dor nos avisa de que algo não vai bem.  Nos avisa que precisamos ficar atentos ao nosso corpo e às nossas emoções”, relata Margaret Binder.

Os encontros com Marilia Ainsentein são voltados a profissionais da área de saúde e outros interessados. Informações sobre inscrições estão no  sitewww.sbprj.org.br e também podem ser obtidas pelos telefones 21 25371115/25371333 ou por e-mail para tesourariasbprj@sbprj.org.br

Leia Mais ►

segunda-feira, 2 de abril de 2018

Estratégias de Inserção Escolar para Crianças com Autismo

Com o objetivo de orientar os profissionais que atuam diretamente com crianças portadoras do transtorno do espectro autista (TEA) na criação de ações para promover sua inserção na escola e garantir, assim, o direito à educação, a Faculdade Arthur Sá Earp Neto (FMP/Fase) está com inscrições abertas para o curso de extensão em Estratégias de Inserção Escolar para Crianças com Autismo.

“Na tarefa de inserção da criança autista no ambiente escolar, é necessária uma abordagem multidisciplinar. Nessa proposta, a escola é levada a pensar em incluir, no planejamento pedagógico, propostas curriculares que possibilitem a criação de um espaço onde possam se encaixar elementos físicos, humanos e materiais, específicos e adaptados às necessidades de cada criança”, explica o psicólogo clínico Gustavo Gonçalves de Oliveira, responsável pelo curso de extensão da FMP/Fase.

Segundo ele, diretores, professores do ensino fundamental e médio e demais profissionais da educação, bem como profissionais e estudantes universitários da área de conhecimento do curso, psicólogos, psicopedagogos e outros interessados em conhecer e auxiliar a inserção de crianças com TEA em ambiente escolar, são convidados a refletir sobre os temas propostos nas aulas do curso de extensão da FMP/Fase.

“O olhar da escola deve ser o de respeitar as diversidades e diferenças, a singularidade de cada criança ao conhecer seu perfil comportamental, os déficits e as particularidades que apresenta. O aluno autista apresenta características próprias no desenvolvimento cognitivo, intelectual e um gosto maior pela escola. Assim, é necessária a criação de um suporte estrutural que habilite a sua inserção ao contexto escolar, favorecendo uma real inclusão”, frisa a psicóloga clínica Maria Dalva Barbosa do Monte, também responsável pelo curso de extensão da FMP/Fase.

As aulas estão previstas para os dias 5, 12, 19 e 26 de maio (sábados), das 14h às 18h. Outras informações e as inscrições, que devem ser realizadas até 2 de maio, estão disponíveis no site www.fmpfase.edu.br.

Leia Mais ►

segunda-feira, 26 de março de 2018

Psicanalista israelense vem ao Rio para falar sobre autismo

Psicanalista israelense vem ao Rio para falar sobre autismo

Joshua Durban fará palestra e comentará casos clínicos sobre psicoterapia com crianças do espectro autista e identidade sexual na infância nos dias 2 e 3 de abril

A Sociedade Brasileira de Psicanálise no Rio de Janeiro (SBPRJ) promove, nos dias 2 e 3 de abril, encontro com o psicanalista israelense Joshua Durban. Ele fará palestra e apresentação de caso clínico sobre questões relacionadas à psicoterapia com crianças do espectro autista, além de comentar caso relacionado à questão de identidade sexual na infância. O evento é voltado para estudantes e profissionais de Psicanálise de Psicologia e de outras áreas da saúde interessados nos temas.

Durban integra o Comitê de Prevenção ao Abuso Infantil da International Psychoanalytical Association (IPA); é tradutor para o hebraico da obra de um dos mais importantes nomes da psicanálise infantil, a psicanalista austríaca Melaine Klein; e é professor do programa de pós-graduação em psicoterapia voltada para estudos kleinianos avançados da Universidade de Tel-Aviv.

No dia 2, às 20h45, haverá abertura do encontro pela presidente da SBPRJ, Wania Cidade, seguido da apresentação do caso clínico “Quando crescer quero ser homem”, pela psicanalista Tania Rauen Bastos, que será comentado por Joshua Durban, com coordenação de Ana Sabrosa, diretora do Conselho Científico da SBPRJ.

No dia 3, às 18h, o psicanalista israelense fará a conferência “No início era a palavra? As mudanças da forma e do uso das interpretações nas análises de crianças no espectro autístico-psicótico”, com debates coordenados pela psicanalista Maria Inês Escosteguy Carneiro (SBPRJ). E às 21h, Durban apresentará o caso clínico “Você partiu seu coração?...Não, você. O paradoxo da intimidade autística”, trabalho apresentado por Joshua no Congresso da IPA 2017, em Buenos Aires. A coordenação será da psicanalista Marisa Helena Leite Monteiro (SPRJ).



As atividades nos dois dias do evento serão na sede da SBPRJ, na rua David Campista, 80, Humaitá, RJ. O preço para membros Febrapsi é de R$ 130; outros profissionais, R$ 160; candidatos Febrapsi e estudantes universitários, R$ 70. Mais informações podem ser obtidas por email (tesourariasbprj@sbprj.org.br)  e por telefone ( 21 2537-1115 e 21 2537-1333)

Leia Mais ►

segunda-feira, 12 de março de 2018

Olhares latino-americanos sobre Winnicott

Olhares latino-americanos sobre Winnicott
A Sociedade Brasileira de Psicanálise do Rio de Janeiro (SBPRJ) promove no próximo sábado, 17 de março, evento de lançamento do livro ‘Winnicott – Integração e Diversidade – Integración y Diversidad’, com duas mesas de debates, das 9h45 às 13h30, em sua sede. Organizada por Anna Melgaço, Andrea Seixas Magalhães, Rodrigo Rojas, Cleon Cerezer, Nadia Gonçalves e Wania Maria Cidade, a obra é dividida em cinco seções compostas por 36 trabalhos de analistas estudiosos da teoria do psicanalista inglês Donald Woods Winnicott (1896 - 1971).
Cada seção do livro, publicado pela editora Prospectiva, apresenta artigos relacionados a um tema de estudo do psicanalista inglês. Os trabalhos presentes na primeira parte estabelecem articulações teóricas entre Winnicott e seus interlocutores. A segunda aborda a clínica analítica contemporânea. A terceira trata de questões sobre psicanálise e cultura. Integração psicossomática e parentalidade e conjugalidade são os temas da quarta e da quinta seções. A edição apresenta textos em português e em espanhol, de acordo com a nacionalidade dos autores –  brasileiros e de outros países latino-americanos.
No lançamento, o livro será apresentado, entre 9h45 e 10h, por Anna Melgaço, Ana Sabrosa, e Wania Cidade, respectivamente membro efetivo, diretora científica e presidente da SBPRJ. Das 10h às 11h30 e das 12h às 13h30, serão realizados os debates, com alguns dos autores de artigos do livro. O primeiro terá participações de Bernard Miodownik (SBPRJ), José de Matos (SPRJ), Rachel Sztajnberg (SPCRJ), Carla Penna (CPRJ), Rosa Albé (APERJ-Rio 4) e coordenação de Ana Sabrosa. Os participantes do segundo são Joaquim Alberto Jorge (Uberaba), Cleon Cerezer (Porto Alegre), Sandra Baccara (Brasília), Hang-Ly de Ikegami Rochel e Yoshiaki Ohki (ambos de São Paulo) e a coordenação é de Anna Melgaço. O intervalo entre 11h30 e 12h será para café e autógrafos.
No prefácio,  Anna Melgaço ressalta que teve o privilégio de organizar, em 1991, com Julio de Mello Filho e outros colegas, o primeiro evento aberto sobre Winnicott, no Rio de Janeiro. Os trabalhos apresentados na ocasião deram origem ao livro ‘Winnicott 24 anos depois’, organizado por ela e por Julio. Passadas algumas décadas e vários encontros dedicados ao tema, inclusive o  XXIV Encontro Latino-americano sobre o pensamento de Donald Winnicott, em 2015, no Rio de Janeiro, organizado por ela, com a participação de representantes da SBPRJ e de outras sociedades psicanalíticas do Rio, e foi a origem deste novo livro.  “Espero que o leitor possa desfrutar dessa leitura, assim como nós desfrutamos da organização do livro”, destaca. 
O livro tem 364 páginas e será vendido por R$ 60,00 no lançamento.
 A SBPRJ fica na Rua David Campista, 80, no Humaitá, Zona Sul do Rio de Janeiro.
A entrada é gratuita e pede-se inscrição prévia na secretaria da SBPRJ, por email  (sbprj@sbprj.org.br)  ou telefone (21 2537-1115).

Leia Mais ►